sexta-feira, 26 de maio de 2017

O escudo do poeta


Poemas alheios

Arquíloco de Paros (680-645 a.C.),
a partir da versão em inglês
constante em seu
verbete na Wikipedia

O soldado trácio inimigo
com alegria admirava o escudo
que eu deixara para trás,
tão belo e conservado era.

Que isso importa
se em segurança logrei escapar?

Que se vá o escudo
outro melhor ainda
-quem sabe?-
qualquer dia hei de ter.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...